Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Bombeiros militares do CBMRS realizam Curso de combate a incêndios florestais em Brasília

Operação Guardiões do Bioma é uma iniciativa do Ministério da Justiça e Segurança Pública

Publicação:

Operação Guardiões do Bioma faz parte de plano integrado de combate a incêndios no país.
Operação Guardiões do Bioma faz parte de plano integrado de combate a incêndios no país. - Foto: ACSP/CBMRS

Bombeiros Militares do CBMRS estão em Brasília realizando Curso de combate a incêndios florestais. Os profissionais permanecerão mobilizados por um período de 20 (vinte) dias. Durante este período passarão oito dias realizando a Instrução de Nivelamento de Conhecimento e doze dias prontos para operarem em Incêndio Florestal, caso sejam acionados.

Segundo dados do Ministério da Justiça e Segurança Pública e da Casa Civil do Governo Brasileiro, a Operação Guardiões do Bioma contará com quase seis mil homens envolvidos, sendo 200 bombeiros e policiais militares da Força Nacional de Segurança Pública, 1.642 do PrevFogo do Ibama, 1.427 brigadistas do ICMBio, 1.570 bombeiros e policiais militares ambientais dos Estados e mais 900 bombeiros de outras unidades da federação fora do foco de atuação e que poderão ser enviados para reforçar o efetivo, caso necessário.

Todos os militares do CBMRS presentes fazem parte das células de Força de Resposta Rápida da Corporação (FR2), presentes em todos os Batalhões de Bombeiro Militar do Estado. Ainda, estão previstas novas turmas de formação, o que aumentaria o efetivo especializado e com capacidade de difundir conhecimentos na Corporação. A previsão é de que mais 32 militares, em duas novas oportunidades, realizem o Curso na Força Nacional, em Brasília, até o final deste ano. Nesta primeira turma, são 17 bombeiros militares da Corporação, que embarcaram dia 13 de setembro e retornam no dia 2 de outubro.

O Plano Integrado de Combate a Incêndios no país

Em ação inédita no país, o Ministério da Justiça e Segurança Pública lançou o primeiro Plano Estratégico Operacional de Atuação Integrada no Combate a Incêndios Florestais, por meio da Operação Guardiões do Bioma. Esta ação interministerial inédita vai disponibilizar cerca de seis mil profissionais para atuar em 11 estados dos Biomas Amazônia, Cerrado e Pantanal.

Os 49 bombeiros militares do CBMRS estarão aptos para atuar na prevenção, repressão e investigação de casos relacionados a queimadas e outros crimes ambientais na Amazônia, Cerrado e Pantanal. A atuação, conforme a necessidade e a demanda dos Estados, acontecerá nos meses de agosto a novembro. O foco será nos Estados do Acre, Amazonas, Amapá, Maranhão, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Pará, Rondônia, Roraima, Tocantins e Goiás.

Segundo Ministério da Justiça e Segurança Pública, a ação envolve também os Ministérios do Meio Ambiente, Desenvolvimento Regional, Secretarias Estaduais de Segurança Pública e de Meio Ambiente, além do Conselho Nacional dos Corpos de Bombeiros Militares do Brasil (Ligabom). Ainda, destaca que os bombeiros militares dos Estados terão papel relevante na coordenação local dos trabalhos.

Corpo de Bombeiros Militar do RS