Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

CBMRS dá dicas de prevenção ao Coronavírus

Publicação:

#TodosContraoVirus
#TodosContraoVirus

O Corpo de Bombeiros Militar do Rio Grande do Sul (CBMRS), sabendo da importância em repassar informações fidedignas no momento de combate ao Coronavírus, acredita que seja fundamental a disseminação de recomendações de prevenção ao COVID-19. Afinal, cuidado nunca é demais!

Antes de tudo, é importante saber que o Coronavírus vem de uma família de vírus que causa infecções respiratórias. O novo agente do coronavírus foi descoberto no final de 2019, após casos registrados na China e provoca a doença chamada de COVID-19.

Taxa de letalidade por idade
Taxa de letalidade por idade

O vírus tem alta transmissibilidade e provoca uma síndrome respiratória aguda que varia de casos leves – cerca de 80% – a casos muito graves com insuficiência respiratória  – entre 5% e 10% dos casos. Sua letalidade varia, principalmente, conforme a faixa etária e condições clínicas associadas. Portanto, é necessário agir!

SINAIS E SINTOMAS

O paciente com a doença COVID-19 apresenta geralmente os seguintes sintomas e sinais:

  • Febre (>37,8ºC);
  • Tosse;
  • Dificuldade respiratória;
  • Dor muscular e fadiga;
  • Sintomas respiratórios superiores; e
  • Sintomas gastrointestinais, como diarreia (mais raros)

A maior parte dos casos em que ocorreu óbito foi em pacientes com alguma comorbidade pré-existente (doença cardiovascular, diabetes, doença respiratória crônica, hipertensão e câncer).

#TodosContraoCoronavírus
#TodosContraoCoronavírus

RECOMENDAÇÕES

Para casos leves,  inclui  medidas  de  suporte  e  conforto,  isolamento  domiciliar e monitoramento  até  alta  do isolamento. Para casos graves, inclui a estabilização clínica e o encaminhamento e transporte a centros de referência ou serviço de urgência/emergência ou hospitalares.

Dada a letalidade muito mais elevada da COVID-19 entre os idosos (pessoas com 60 anos ou mais), deve-se priorizá-los para atendimento. Além deles, pessoas com doença crônica, gestantes e mulheres em fase pós-parto devem ter atendimento priorizado.

 

PREVENÇÃO COMUNITÁRIA

  • Realizar lavagem frequente das mãos com água e sabão ou álcool em gel, especialmente após contato direto com pessoas doentes;
  • Utilizar lenço descartável para higiene nasal;
  • Cobrir nariz e boca quando espirrar ou tossir;
  • Evitar tocar mucosas de olhos, nariz e boca;
  • Higienizar as mãos após tossir ou espirrar;
  • Não compartilhar objetos de uso pessoal, como talheres, pratos, copos ou garrafas;
  • Manter os ambientes bem ventilados;
  • Evitar contato com pessoas que apresentem sinais ou sintomas da doença

 

ATENÇÃO

Se algum residente da casa, ou pessoas que a frequentam regularmente, apresentarem sintomas leves, como um resfriado, não precisa se apressar, ligue para equipe de saúde da Atenção Primária à Saúde / Estratégia Saúde da Família – acesse os links por aqui!

- Atenção Básica à Saúde do Estado

Atenção Básica à Saúde de Porto Alegre

Ministério da Saúde desenvolveu App com informações sobre o Coronavírus 

A fim de facilitar o acesso a informações sobre o Coronavírus (Covid-19), e combater a propagação de notícias falsas, o Ministério da Saúde desenvolveu aplicativos com dicas de prevenção, descrição de sintomas, formas de transmissão e mapa de unidades de saúde. Os aplicativos estão disponíveis para usuários dos sistemas operacionais iOS e Android!

DETERMINAÇÕES E PROIBIÇÕES EM ÂMBITO ESTADUAL

INFORME EPIDEMIOLÓGICO NO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL

 

REFERÊNCIA: Universidade Aberta do Sistema Único de Saúde - UNASUS

Corpo de Bombeiros Militar do RS